Thursday, March 30, 2006

Alguém nos anda a enganar (e eu sei quem é)

Aumenta o desemprego. Aumenta a pobreza. Avança a precariedade. Avançam as privatizações. Fecham maternidades. Fecham escolas. Ensino? Só para quem tenha dinheiro. Em Portugal dois milhões de pobres. Em Portugal dois milhões de pessoas sem direito as esgotos.

E ele, para resolver os problemas dos portugueses, cria um sistema de simplificação dos serviços do Estado. Muito bem!

Viva a caixa de correio electrónica para cada cidadão!
(cria emprego?Não, mas fica bem fica bem anunciar)

Viva o portal da Habitação!
(resolve os problemas de habitação?Não, mas pode ser que se engane mais alguns)

Viva a declaração fiscal electrónica!
(torna o acesso ao ensino e ao saber um direito de todos? Não, mas isso não interessa)

Ah, num país em que, em finais de 2005 só 1,483 milhões de pessoas têm acesso à internet!!!

1 comment:

Samir Machel said...

E não te esqueças desses 1,4 milhões muitos têm acesso esporádico e irregular.

A maior parte do simplex, não simplificou coisa nenhuma, foi apenas mudança do mensageiro. Em vez de preencher papel vao logo para o computador. No entanto, não se simplifica nada se for para ter de dar a mesma informação. As simplificações reais foram bem menos (certidões de óbito,...).